photo lourdesalho-brasil02.gif

"Um exército inteiro de romanos, era incapaz de deter um punhado de galesas.
Elas surgiam convertidas em verdadeiras 'fúrias':
inchando o peito, relinchando como cavalos selvagens e rangendo os dentes,
se atiravam sobre os adversários dando patadas, mordidas e
praticando ações tão fulminantes, que todos diziam que elas se convertiam em verdadeiras catapultas.
Eram umas lobas que, à céu aberto lutavam raivosamente para proteger sua tribo."

DEIXE AQUI SEU DESABAFO, SUA DENÚNCIA OU SEU RECADO! FALA QUE TE ESCUTO!

As (os) que fazem a diferença...

Parabéns pelo excelente Site! "Meninas SuperPoderosas"

VejaBlog - Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil

"Você está fazendo parte da melhor e maior seleção de Blogs/Sites do País!!!
- Só Sites e Blogs premiados - Selecionado pela nossa equipe,
você está agora entre os melhores
e mais prestigiados Blogs/Sites do Brasil!
- Parabenizamos pelo ótimo trabalho! -
Confira o seu link no item: ' Blog ' http://www.vejablog.com.br/blog
- Os links encontram-se rigorosamente em ordem alfabética -"

sábado, 25 de junho de 2011

Os ataques e as fragilidades do sistema virtual


Nos últimos dias, os sites de vários órgãos e empresas do governo, incluído o da Presidência da República, sofreram ataques simultâneos de hackers. Reunidos num grupo classificado por eles mesmos de nacionalista, manifestaram o desejo de fazer do Brasil um país melhor.
O ataque não produziu maiores danos, a não ser tirar do ar, por alguns minutos, o sistema de informações do governo. O objetivo não foi invadir o sistema, acessando dados, mas derrubá-lo, colocando-o fora de operação. Ontem, a Polícia Federal começou a investigar.
Nas mensagens que deixaram, os hackers prometem mais ataques virtuais durante os próximos dias e meses, convidando para manifestações de protesto nas ruas, em ocasiões e lugares ainda imprecisos. Ontem, o site do Ministério da Cultura também ficou fora do ar.
Parece que o objetivo dos hackers foi advertir sobre as fragilidades do sistema virtual, demonstrando que ele está sujeito a panes e invasões provocadas por terceiros. Rotineiramente, recursos materiais e humanos são empregados para evitar essas eventualidades.
O episódio recente envolvendo uma organização transnacional, a WikiLeaks, mostrou que o sigilo de operações governamentais não está a salvo nos sistemas virtuais, podendo ser quebrado e exposto em todo o mundo, dependendo do interesse de seus patrocinadores.
Interessante que o ataque de agora ocorra quando o governo brasileiro discute uma legislação que pode perpetuar indefinidamente o sigilo de seus documentos considerados secretos. Estava acertado que 50 anos era um prazo adequado, mas, pressionado, o governo recuou.
Com o ataque desta semana, que, queiram ou não seus autores, talvez sirva de advertência, podemos concluir que 50 anos é tempo demais para manter sob proteção certos documentos públicos, que podem ou não ser conhecidos, dependendo do interesse que despertem.
A única segurança que há é a inexistência desses documentos, porque foram destruídos.


Ana Paula Paiva ( @onlinefulltime )

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Junte-se a nós por um Brasil limpo!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

VOLTE SEMPRE!

Photobucket