photo lourdesalho-brasil02.gif

"Um exército inteiro de romanos, era incapaz de deter um punhado de galesas.
Elas surgiam convertidas em verdadeiras 'fúrias':
inchando o peito, relinchando como cavalos selvagens e rangendo os dentes,
se atiravam sobre os adversários dando patadas, mordidas e
praticando ações tão fulminantes, que todos diziam que elas se convertiam em verdadeiras catapultas.
Eram umas lobas que, à céu aberto lutavam raivosamente para proteger sua tribo."

DEIXE AQUI SEU DESABAFO, SUA DENÚNCIA OU SEU RECADO! FALA QUE TE ESCUTO!

As (os) que fazem a diferença...

Parabéns pelo excelente Site! "Meninas SuperPoderosas"

VejaBlog - Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil

"Você está fazendo parte da melhor e maior seleção de Blogs/Sites do País!!!
- Só Sites e Blogs premiados - Selecionado pela nossa equipe,
você está agora entre os melhores
e mais prestigiados Blogs/Sites do Brasil!
- Parabenizamos pelo ótimo trabalho! -
Confira o seu link no item: ' Blog ' http://www.vejablog.com.br/blog
- Os links encontram-se rigorosamente em ordem alfabética -"

sábado, 15 de outubro de 2011

O CAPITALISMO E A CORRUPÇÃO SÃO OS CÂNCERES DA HUMANIDADE. VAMOS SEGUIR COM OS PROTESTOS. " ESPELHE-SE 82 PAÍSES."

protesto dos indignados na Itália (Foto: AFP)
Protestos contra o sistema econômico ocorreram também na Suíça (Foto: Fabrice Coffrini/AFP)

Manifestantes usam máscaras de Guy Fawkes em protesto na Coreia do Sul (Foto: Park Ji-Hwan/AFP)
      

    Manifestante acende bastão na praça da Bolsa de Milão durante greve na Itália.
    Indignados voltam a se manifestar em Madri, na Porta do Sol, contra o desemprego e a crise econômica. 1
'Indignados' se mobilizam para realizar protestos em 82 países

Manifestações são esperadas em 951 cidades neste sábado (15).
Protestos já ocorreram na Austrália, Taiwan, Hong Kong e Coreia do Sul.
Do G1,

Manifestantes caminharam pelas ruas de Roma, na
Itália, neste sábado.

Manifestantes saíram para as ruas de cidades de todo mundo neste sábado (15) em protesto contra o sistema financeiro, "ganância corporativa" e cortes orçamentários realizados por alguns governos.
Os organizadores das marchas acreditam que manifestações sejam realizadas em até 951 cidades de 82 países, inspiradas no "Ocupe Wall Street", iniciado em Nova York, nos Estados Unidos.
Neste sábado, já houve manifestações em Hong Kong, Taiwan, Japão e Austrália, Itália, Bósnia e Holanda e, ao longo do dia, pode haver protestos na Espanha, Inglaterra e Grécia.
saiba mais
Em meio a pessimismo, EUA são palco de novos protestos
Movimento dos indignados reúne manifestantes em Hong Kong
Veja imagens dos protestos pelo mundo
Na Alemanha, 5 mil pessoas, segundo a polícia local, se reuniram diante da sede do Banco Central Europeu (BCE) em Frankfurt. Nos cartazes dos manifestantes era possível ler, entre outros lemas, "Acabemos com a ditadura do capitalismo".
Em Roma, na Itália, milhares de manifestantes se reuniram nas ruas, mas alguns colocaram fogo em carros e quebraram vitrines de lojas.
Em Taiwan, mais de 100 pessoas – embora os organizadores esperassem que cerca de 1,5 mil aparecessem – responderam a convocação do "15-O", em referência ao dia 15 de outubro, e se manifestaram na entrada do arranha-céu Taipé 101 cantando palavras de ordem como "Somos 99% de Taiwan".


Protestos contra o sistema econômico ocorreram também na Suíça
Em Hong Kong, cerca de 200 pessoas responderam ao chamado dos "indignados" e se concentraram nas imediações da Bolsa local, levando cartazes com palavras de ordem como "os bancos são um câncer", segundo a Rádio Televisão de Hong Kong.
Desde o surgimento do movimento, que teve início com um protesto de centenas de pessoas em Madri no dia 15 de maio, os "indignados" e grupos de filosofia parecida, como "Ocuppy Wall Street", querem fazer deste 15 de outubro (15-0) um dia simbólico, reunindo-se diante de sedes financeiras como Wall Street, a City de Londres ou o Banco Central Europeu (BCE), em Frankfurt.

Manifestantes usam máscaras de Guy Fawkes, das histórias em quadrinhos e do filme 'V de Vingança' em protesto na Coreia do Sul 
Em Sydney, as ruas diante do Banco Central da Austrália foram tomadas por cerca de 2 mil manifestantes, entre representantes aborígenes, sindicalistas e comunistas, segundo a agência Reuters.
O site da organização, o "15october.net", traz uma mensagem para que os manifestantes "unam suas vozes para dizer aos políticos e às elites financeiras que cabe ao povo decidir o futuro".
A onda de protestos deste sábado ocorre simultaneamente a um encontro do G20 na França, em que políticos tentam encontrar formas de enfrentar a crise da dívida que se espalha pelos países da zona do euro.

3 comentários:

  1. Claro que vamos continuar!!!
    Enquanto eles continuar roubando, nos desrespeitando e fazendo o que quiserem estaremos apostos...A Briga vai ser feia mas valerá a pena!!!!!!!

    ResponderExcluir
  2. Conte comigo, "O povo teu não foge à luta" "Ó Pária Amada, Salve, salve".

    ResponderExcluir
  3. TUDO QUE QUEREMOS VER DE VER EXTIRPADO DESSA ECONOMIA DE TERRA ARRASADA, É QUE OS PARAÍSOS FISCAIS FIQUEM INSÓLITOS E, TUDO QUE ALI FOI DEPOSITADO POR MEIO DA CORRUPÇÃO, RETORNE AOS PAÍSES E SEJA EMPREGADO PARA O CRESCIMENTO E EDUCAÇÃO DO POVO.
    A INDÚSTRIA FINANCEIRA NÃO SEJA ESCRAVISTA DE NAÇÕES E INDIVÍDUOS, COLOCANDO-OS SOB O CHICOTE DE DÍVIDAS IMPAGÁVEIS.

    ResponderExcluir

Junte-se a nós por um Brasil limpo!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

VOLTE SEMPRE!

Photobucket