photo lourdesalho-brasil02.gif

"Um exército inteiro de romanos, era incapaz de deter um punhado de galesas.
Elas surgiam convertidas em verdadeiras 'fúrias':
inchando o peito, relinchando como cavalos selvagens e rangendo os dentes,
se atiravam sobre os adversários dando patadas, mordidas e
praticando ações tão fulminantes, que todos diziam que elas se convertiam em verdadeiras catapultas.
Eram umas lobas que, à céu aberto lutavam raivosamente para proteger sua tribo."

DEIXE AQUI SEU DESABAFO, SUA DENÚNCIA OU SEU RECADO! FALA QUE TE ESCUTO!

As (os) que fazem a diferença...

Parabéns pelo excelente Site! "Meninas SuperPoderosas"

VejaBlog - Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil

"Você está fazendo parte da melhor e maior seleção de Blogs/Sites do País!!!
- Só Sites e Blogs premiados - Selecionado pela nossa equipe,
você está agora entre os melhores
e mais prestigiados Blogs/Sites do Brasil!
- Parabenizamos pelo ótimo trabalho! -
Confira o seu link no item: ' Blog ' http://www.vejablog.com.br/blog
- Os links encontram-se rigorosamente em ordem alfabética -"

terça-feira, 20 de dezembro de 2011

O FUTURO DO POVO BRASILEIRO SERÁ NEBULOSO...GRINGOS VEM PARA O BRASIL PARA TRABALHAR, TOMANDO LUGAR DO POVO... ACORDA POVÃO, VEJA O QUE DILMA ESTÁ FAZENDO !!!!!

trabalho-carteira-de-trabalho-emprego-salario-trabalhador-empregado-empregador-chy8y2911376[1].jpg
adm[1].jpg
Tony_Bonna[1].jpg

110831134937_jovino_caldeira_coutinho_304x171_bbc_nocredit[1].jpg
PARA ELES TUDO ESTÁ ÓTIMO, FAZEM PROPAGANDA ATRAINDO ESTRANGEIROS
 PARA TOMAR SEU TRABALHO, NÃO VALORIZAM A EDUCAÇÃO NO PAÍS
FIQUE ATENTO

Com base na referida reportagem eu me pergunto: Até quando nosso país comportará com esta demanda de pessoas não só estrangeiros, bem como, nativos de nosso país que fora tentar a sorte e estão de volta a sua terra natal?


Vejo que imprensa, e o governo de Dilma tem feito propagandas de forma a idealizar uma realidade inexistente.
Conforme publicação, portugueses, e brasileiros que estão fazendo MBA nos Estados Unidos, estão de volta para o Brasil para ingressar em indústrias com cargos administrativos e gerenciais.


Teremos vagas para tantos estrangeiros e brasileiros.



Estou fazendo cursinho de inglês e tenho notado o número de estrangeiros que estão fazendo curso de língua portuguesa, com intenções de conseguir emprego aqui, o que será do povo nativo deste país, com tamanha desigualdade??

Com a crise Européia e dos Estados Unidos, muitos estão emigrando para o Brasil, com a falsa expectativa de emprego e vida tranquila.

O que me faz refletir é a situação do povo brasileiro em pé de desigualdade com pessoas que estudaram lá fora ou que são oriundas de outro país, que domina facilmente vários idiomas. Entretanto isso faz com que os critérios para preenchimento de vagas serão naturalmente mais exigentes.

Os altos índices de desemprego e as duras medidas de austeridade – exigidas pelos credores europeus em contra partida ao pacote de resgate – têm aumentado os impostos, cortado benefícios e estimulado parte da população a buscar oportunidades fora do país.

O Brasil é um destino lógico por conta da expansão de sua economia e do mesmo idioma, o que facilita o processo de adaptação.


Na contramão o Brasil dá um ensino podre ao seu povo, que não os deixa competir com os novos rivais, as pessoas nem sequer se preocupam nem percebem o quanto estarão perdendo com esta mudança.




O povo brasileiro será preterido ao povo estrangeiro, no preenchimento da referida vaga.

O que o governo petista está trazendo para o povo ao longo prazo será desemprego excessivo do povo oriundo de sua terra.

Porém o povo está alienado, preocupado com novelas da Rede Globo,carnaval, cerveja, praia, futebol ou com quem irá para o paredão do "BIG BROTHER" E NEM SEQUER, PERCEBE QUE A CADA DIA ELES SE APROXIMAM DO PAREDÃO QUE O GOVERNO LHE EMPURRA.

Como por exemplo: "O governo brasileiro parece ter percebido a peculiaridade do momento e já anunciou até reserva de vagas no setor público para profissionais de outros países. Parte das vagas de um concurso público para cientistas que será realizado ainda este ano será destinada a estrangeiros. O ministro da Ciência e Tecnologia, Aloísio Mercadante, justificou a ideia: “tivemos uma diáspora de cérebros no passado e agora queremos atrair”.

Quando o povo  alienado irá enxergar o que se aproxima e que lhe trará conseqüências catastróficas, o que já não está bem ficará muito pior.

O que estou prevendo é que teremos um mar de desempregados aqui neste país.


O povo nativo perderá seu espaço, além de que os governos não estão nem um pouco preocupados em uma valorização do ensino, muito menos do professor. O brasileiro será preterido ao estrangeiro, será uma competição desigual.



Mas o povo é imbecil, recebe esmola e acha que está bom, o futuro será negro para o oriundo desta terra.
Nós temos esta visão e o povo está cego, acomodados e completamente alienado, quando perceber será muito Tarde.

QUANDO O POVO SE DER CONTA, ESTARÁ EXCLUÍDO DE SEU PRÓPRIO PAÍS, A MARGEM DA SOCIEDADE E DESMORALIZADO EM SUA TERRA.


Portugueses 'redescobrem' o Brasil atrás de oportunidades profissionais
Paulo Cabral
Da BBC News em São Paulo
Atualizado em  16 de dezembro, 2011 - 06:07 (Brasília) 08:07 GMT
Salvador S. Almeida tem recebido o CV de amigos portugueses que querem vir ao Brasil

Estudos em consultoria em golfe já haviam levado o português Miguel Palhota à Espanha e aos EUA, mas ele nunca imaginou que encontraria suas melhores oportunidades profissionais no país do futebol.
No Brasil desde janeiro, Miguel e seu irmão, Paulo, que chegou há três meses, estão entre os portugueses que desembarcaram aqui atraídos por um mercado de trabalho aquecido, num momento de grave crise econômica em Portugal.
Notícias relacionadas Escassez de executivos repatria brasileiros, diz 'Financial Times'Crise nos EUA pós-11/9 atrai americanos e expatriados de volta ao Brasil- Brasileiros se sentem ‘em casa’ na África de língua portuguesa

Tópicos relacionados Economia, Comportamento, Europa, Brasil “Nunca pensei em vir trabalhar na América do Sul; sempre achei que meu caminho seria trabalhar em Portugal, em outro país europeu ou nos Estados Unidos", diz Miguel, de 30 anos, à BBC Brasil.
"(Mas) grande parte dos investidores está olhando para o Brasil como destino de investimentos. Isso pode abrir oportunidades que no momento não temos em Portugal."
Depois de se formar em educação física em sua terra natal e cursar consultoria em campos de golfe na Espanha e nos Estados Unidos, ele acabou se tornando gerente de um clube de golfe em São Paulo.
"Atualmente, o Brasil pode me oferecer o que Portugal não pode: estabilidade", diz ele.
Seu irmão Paulo, geógrafo de 27 anos, está trabalhando em uma operadora de turismo.
"O Brasil nos dá uma oportunidade de evoluir e crescer, e ainda há a vantagem de, em breve, podermos presenciar a Copa do Mundo (de 2014) e as Olimpíadas (de 2016)", diz. "A piadinha sobre portugueses é inevitável, mas a receptividade brasileira é maior do que isso."
Crise e adaptaçãoUm dos países mais afetados pela atual crise europeia, Portugal precisou recorrer neste ano a um pacote de resgate financeiro externo para conseguir pagar suas dívidas e enfrenta riscos de recessão econômica em 2012.


Consultor em golfe, Palhota nunca pensou que encontraria oportunidades no país do futebol

Os altos índices de desemprego e as duras medidas de austeridade – exigidas pelos credores europeus em contrapartida ao pacote de resgate – têm aumentado os impostos, cortado benefícios e estimulado parte da população a buscar oportunidades fora do país.
O Brasil é um destino lógico por conta da expansão de sua economia e do mesmo idioma, o que facilita o processo de adaptação.
O português Salvador Simões Almeida, de 27 anos, morou pela primeira vez no Brasil em 2006, quando ainda era estudante. Hoje trabalha como corretor de um banco de investimentos em São Paulo.
"Em Portugal, as conversas, as histórias que me contam e as notícias giram em torno da crise, e por aqui o clima é totalmente oposto", afirma.
Segundo Almeida, os salários que as empresas portuguesas se propõem a pagar não são bons para pessoas bem qualificadas, ao contrário do que está acontecendo no Brasil. "Todos os dias eu recebo currículos de amigos que querem vir para cá", diz.
Além do idioma, "o bom clima do Brasil e atmosfera alegre atraem estrangeiros ao país", afirma o headhunter Robert Wong. "O Brasil é um país em crescimento, mas há falta de especialistas, especialmente em áreas técnicas, informática e até marketing. Para pessoas com esse perfil, vir para cá é uma grande oportunidade."


Para headhunter, país tem atrativos para mão de obra estrangeira

Para ele, há espaço para a vinda de estrangeiros sem que se crie um clima de "disputa por empregos" com a população local - "se o brasileiro souber entender que (o estrangeiro) vem para complementar, e não para agredir", agrega.
Caminho de voltaWong destaca que o bom momento político e econômico do Brasil também tem trazido brasileiros de volta ao país – alguns deles vindos justamente de Portugal.
A publicitária Larissa Kitahara, 28 anos, morou quatro anos em Portugal e voltou em dezembro de 2010.
"Percebi que lá dificilmente haveria uma projeção de crescimento salarial ou profissional, o que me desmotivava", conta. "No Brasil, vejo como as pessoas estão numa fase mais empreendedora, porque têm ambição e pensam em tirar proveito dessa situação boa."

*Colaborou Jessica Fiorelli, da BBC Brasil em São Paulo

x_3be06b0a

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Junte-se a nós por um Brasil limpo!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

VOLTE SEMPRE!

Photobucket